Persistência x Teimosia

Como podemos diferenciar a persistência da teimosia? Pensei e pesquisei bastante sobre isso e descobri que o segredo não está nas ações em si, mas em algo mais básico, no objetivo.

Quando temos um objetivo em vista, nos comprometemos com ele. Por exemplo, chegar a determinado local. Nosso compromisso é em chegar, e não em como chegar. Aí reside a diferença, muitas vezes nos apegamos demais a nossas ideias, ao nosso jeito de fazer as coisas e chamamos isso de persistência, quando na verdade é teimosia.

Existem inúmeras maneiras de ir de um lugar para outro, mas insistimos em um determinado meio, de carro por exemplo. Aí nos estressamos no trânsito, reclamamos da falta de lugar para estacionar na rua, do preço extorsivo de alguns estacionamentos particulares, e de mais uma porção de coisas. Mas podemos ir de ônibus, ou taxi, ou bicicleta, ou a pé, de carona, enfim uma infinidade de métodos diferentes.

O que quero dizer é que devemos persistir em alcançar nossos objetivos, se algo não está funcionando, tentemos outra coisa, e se essa não funcionar, vamos para uma terceira alternativa. O importante é continuar se movendo em direção ao objetivo. Devemos medir nosso sucesso pela distância que estamos do ponto de partida, e não pelo que ainda falta percorrer.

Digamos que um sujeito deseja a sua estabilidade financeira, ele pode procurar um emprego, tentar um concurso público, se tornar autônomo ou começar um empreendimento próprio. Todas são alternativas válidas para se alcançar a estabilidade financeira, todas com seus prós e contras.

Mas normalmente não temos um único objetivo ou desejo não é mesmo? É preciso levar todo o conjunto em consideração, e observar as incoerências. Por exemplo, a pessoa quer estabilidade financeira, e ao mesmo tempo liberdade e flexibilidade de horários. São desejos incompatíveis com nosso modelo de emprego atual, salvo raras exceções, para concursos públicos a mesma coisa. Poderíamos tentar trabalhar como autônomos ou empreendedores, essas opções nos permitem relativa estabilidade financeira e liberdade. Porém exige que tenhamos iniciativa e que estejamos dispostos a assumir riscos.

Sem avaliações ainda, seja o primeiro

Avalie nosso artigo

Comentários